Problemática

EDUCAÇÃO E BEM-ESTAR

A questão do bem-estar esteve sempre subjacente ao ato educativo e aos fundamentos das políticas educacionais, uma vez que a educação também visa proporcionar aos povos e a cada pessoa individual os meios para aceder à melhor qualidade de vida e à satisfação dos seus anseios. Nos últimos tempos sucedem-se os eventos académicos que procuram analisar a relação entre educação e bem-estar, em parte na sequência da importância crescente dada às questões do desenvolvimento social e humano, da defesa do ambiente e da vida saudável e do combate às desigualdades. Da mesma maneira se mantém o interesse pelas condições em que se desenvolvem os processos de ensino e de aprendizagem, sejam elas de natureza pedagógica, sejam de natureza política e organizativa, pelas implicações que têm no sucesso educativo.

O XXVII Colóquio da AFIRSE Portugal dedica-se a analisar diversas dimensões da relação entre educação e bem-estar. Aspetos teóricos desta relação, bem como as práticas associadas à promoção do bem-estar em e pela educação estarão em discussão, incluindo o que diz respeito ao clima da escola e da aprendizagem e às condições de trabalho, designadamente dos professores. Damos neste colóquio uma atenção especial à educação para a saúde e à educação física e desportiva, que não têm estado muito presentes nos programas dos nossos colóquios, desta forma se contribuindo para abrir o âmbito temático dos colóquios da AFIRSE Portugal.

Os eixos temáticos deste XXVII Colóquio são os seguintes:

Eixo 1 – Questões teóricas associadas à relação entre educação e bem-estar

Eixo 2 – Desenvolvimento, sustentabilidade e educação

Eixo 3 – Políticas e práticas das cidades e dos territórios

Eixo 4 – Currículo e bem-estar: programas e práticas escolares e não escolares

Eixo 5 – Diversidade, inclusão e participação

Eixo 6 – Educação para a saúde

Eixo 7 – Educação física, desporto e corpo

Eixo 8 – Bem-estar e mal-estar docentes: a formação e as condições de trabalho